Pastores e anciãos frequentemente leem as escrituras e pregam para as pessoas, oram pelos irmãos e irmãs, têm amor pelos crentes e pedem que as pessoas se atenham à Bíblia. Se dissermos que são fariseus hipócritas, a maioria dos crentes não será capaz de compreender nem distinguir. Então, por favor, explique mais detalhadamente para nós.

2021-02-21 1

Resposta: Naquela época, os fariseus judeus explicavam as Escrituras e oravam pelos crentes nas sinagogas. Eles não pareciam bastante piedosos com as pessoas também? Então por que o Senhor Jesus expôs e amaldiçoou os fariseus, ai de os fariseus hipócritas? Será que o Senhor Jesus foi injusto com eles? As pessoas não creem que a palavra do Senhor Jesus é a verdade? As pessoas ainda suspeitam que o Senhor Jesus fez a coisa errada? Discernir se os pastores e presbíteros são hipócritas fariseus e anticristos, ou não, não é possível apenas olhando como eles tratam as pessoas por fora. O principal é observar como eles tratam o Senhor e a verdade. Por fora, eles podem ser amorosos com os crentes, mas eles amam o Senhor? Se eles são muito amorosos com as pessoas, mas estão cheios de aborrecimento e ódio pra com o Senhor e com a verdade, julgam e condenam Cristo dos últimos dias – Deus Todo-Poderoso, então não são eles fariseus hipócritas? Não são eles anticristos? Eles parecem pregar e dar duro por fora, mas se for pra serem coroados e recompensados, isso significa que eles obedecem e são leais ao Senhor? Pra discernir se alguém é hipócrita você deve olhar dentro de seus corações e ver suas intenções. Essa é a coisa mais importante. Deus inspeciona o coração das pessoas. Então, pra ver se uma pessoa, de fato, ama e obedece ao Senhor, o principal é observar se ela pratica e segue a Sua palavra e segue Seus mandamentos e, além disso, vejam se ela exalta o Senhor Jesus e dá testemunho do Senhor Jesus e se ela segue a vontade de Deus. Vimos que os fariseus explicavam as Escrituras às pessoas nas sinagogas, seguiam as regras da Bíblia pra tudo, e também eram amorosas com as pessoas. Mas, na realidade, o que eles faziam não era praticar a palavra de Deus nem defender os mandamentos de Deus, isso era feito pra ser visto pelas pessoas. Assim como o Senhor Jesus disse quando os expôs: “Todas as suas obras eles fazem a fim de serem vistos pelos homens; pois alargam os seus filactérios, e aumentam as franjas dos seus mantos” (Mateus 23:5). Eles até ficavam, de propósito, nas sinagogas e nas esquinas fazendo longas orações. Durante o jejum, ficam com semblantes tristes, de propósito, pra que as pessoas achassem estavam em jejum. Até faziam boas ações nas ruas abertamente pra que todos pudessem ver. Eles até continuaram a se apegando a antigas tradições e rituais religiosos como “não coma a menos que lavem as mãos com cuidado”. Pra enganar as pessoas a fim de apoiá-los e adorá-los, os fariseus faziam alarde de pequenas coisas como engodo, e apenas levavam as pessoas a se envolverem em cultos religiosos, cantos e louvores ou mantinham algumas tradições ancestrais. Mas não levavam as pessoas a praticar a palavra de Deus, a seguir os mandamentos de Deus e a entrar na realidade da verdade. Além disso, eles não levaram as pessoas a praticar a verdade, a obedecer e a adorar Deus. Só o que fizeram foram algumas ações pra confundir e enganar os crentes. Quando o Senhor Jesus veio pregar e realizar Sua obra, pra protegerem o próprio status e sustento, esses fariseus, que fingiram ser piedosos, abandonaram as leis e mandamentos de Deus sob o disfarce de “defender a Bíblia”. Inventaram boatos, deram falso testemunho, condenaram e culparam o Senhor Jesus fizeram o possível pra impedir que os crentes seguissem o Senhor Jesus. No final, eles até conspiraram com os que estavam no poder pra crucificar o Senhor Jesus. Consequentemente, a essência hipócrita e odiosa da verdade dos fariseus foi exposta. Então sua essência de anticristo foi (completamente) revelada. Isso mostra que a essência dos fariseus era hipócrita, traiçoeira, enganosa e maldosa. Todos eles eram falsos pastores que abandonaram o caminho de Deus, enganaram e aprisionaram pessoas. Eles enganaram e prenderam os crentes, controlando o mundo religioso pra se opor a Deus, negando, condenando e odiando o Cristo encarnado. Isso é suficiente pra provar que eles eram os anticristos que queriam erguer seu próprio reino independente.

Agora que vemos (claramente) as várias faces da hipocrisia dos fariseus, quando os comparamos com os pastores e presbíteros religiosos de hoje, agora não dá pra saber que eles são como os fariseus e todas as pessoas que não praticam a palavra ou respeitam os mandamentos do Senhor? E que não são pessoas que exaltam o Senhor e dão testemunho do Senhor? São apenas pessoas que creem cegamente na Bíblia, que adoram e exaltam a Bíblia. Eles apenas agarram-se a vários rituais religiosos, tais como frequentar serviços regulares, vigília matinal, partir o pão, participar da Sagrada Comunhão, e assim por diante. Eles só falam pras pessoas serem humildes, pacientes, piedosas e amorosas, mas não amam Deus com seus corações. Além disso, não obedecem a Deus e não têm um coração temente Deus. A obra e pregação deles se concentra apenas em explicar o conhecimento bíblico e a teoria teológica. Mas quando se trata de como praticar e viver a palavra do Senhor, como seguir os mandamentos do Senhor e como difundir e dar testemunho da palavra do Senhor, como as pessoas devem seguir a vontade do Pai celestial. como amar de verdade Deus, obedecer a Deus e adorar Deus e todas essas coisas que o Senhor Jesus pede à humanidade, não buscam, não exploram e não entendem as intenções do Senhor. E, além disso, não levam as pessoas a praticar ou a cumprir. O propósito de eles irem por toda parte pregando o conhecimento bíblico e a teoria teológica é pra se exibirem, e fazer as pessoas admirá-los e adorá-los. Então, quando Deus Todo-Poderoso passou a expressar verdades e realizar Sua obra de julgamento dos últimos dias esses pastores e presbíteros, com o intuito de alcançar poder permanente no mundo religioso, e por sua ambição de controlar os crentes e criar seu próprio reino independente, violaram descaradamente a palavra do Senhor Jesus, inventando boatos, julgando, atacando e blasfemando Deus Todo-Poderoso, fazendo tudo pra impedir que os crentes buscassem e investigassem o verdadeiro caminho. Por exemplo, o Senhor Jesus ensinou as pessoas a serem virgens sábias: Quando ouvem alguém gritar: “Eis o noivo!”, eles deveriam sair pra recebê-Lo. Mas depois que os pastores e presbíteros souberam da notícia da segunda vinda do Senhor Jesus, eles fizeram tudo pra fechar a igreja e impedir que os crentes buscassem e investigassem o verdadeiro caminho. O Senhor Jesus disse: “Amarás o teu próximo como a ti mesmo.” Só que eles incitaram os crentes a caluniar e agredir irmãos e irmãs que testemunham a obra de Deus Todo-Poderoso dos últimos dias. O Senhor Jesus pediu ao homem que não mentisse, não desse falso testemunho, mas os pastores e presbíteros inventaram todo tipo de mentiras pra caluniar Deus Todo-Poderoso e até conspiraram com o diabólico Partido Comunista Chinês pra resistir, condenar a obra de Deus Todo-Poderoso dos últimos dias e manchar a Igreja de Deus Todo-Poderoso. Com isso, podemos ver que o que os pastores e presbíteros religiosos disseram e fizeram viola (completamente) os ensinamentos do Senhor. Eles são como os fariseus hipócritas. São pessoas que conduzem cegamente, resistem a Deus e enganam as pessoas. Permitam-me ler uma passagem da palavra de Deus Todo-Poderoso. Deus Todo-Poderoso diz: “Se sua intenção não for obedecer a Deus e você tiver outros objetivos, tudo que você diz e faz — suas orações diante de Deus e até mesmo cada uma de suas ações — serão contrárias a Ele. Você pode ter uma fala mansa e ser brando, cada um de seus atos e expressões podem parecer corretos, e você pode parecer uma pessoa que obedece, mas quando se trata de suas intenções e de seus pontos de vista sobre a fé em Deus, tudo que você faz é em oposição a Deus; tudo que faz é maligno. As pessoas que aparentam ser obedientes como ovelhas, mas que abrigam más intenções em seu coração, são lobos em pele de ovelhas. Elas ofendem diretamente a Deus, e Deus não poupará nenhuma delas. O Espírito Santo revelará cada uma delas e mostrará a todos que aqueles que forem hipócritas serão, com certeza, detestados e rejeitados pelo Espírito Santo. Não se preocupe: Deus lidará e descartará cada uma delas à vez” (‘Em sua fé em Deus você deve obedecer a Deus’ em “A Palavra manifesta em carne”). Esses pastores e presbíteros religiosos parecem ser humildes por fora, pacientes e amorosos mas seus corações estão cheios de traição, enganação e malícia. Sob o disfarce de “defender o verdadeiro caminho, proteger o rebanho”, eles resistem e condenam Deus Todo-Poderoso e planejam controlar os crentes pra alcançar seu objetivo de ter poder permanente no mundo religioso e estabelecer seu próprio reino independente. Esses fariseus hipócritas que odeiam a verdade e odeiam Deus são (precisamente) o grupo de anticristos teimosos que se opõem a Deus, expostos pela obra de Deus Todo-Poderoso dos últimos dias. Todos aqueles que, de fato, creem em Deus devem aprender a distinguir a essência hipócrita e natureza satânica e anticristã deles. Não sejam mais enganados, confundidos, presos e controlados por eles. Vocês devem buscar e investigar o verdadeiro caminho e aceitar a obra de Deus Todo-Poderoso dos últimos dias, e retornar ao trono de Deus.

Extraído do roteiro do filme Rompendo armadilhas

Quando ocorre um desastre, como nós, cristãos, devemos enfrentá-lo? Fique à vontade para nos contatar via WhatsApp, podemos explorar e encontrar caminhos juntos.
Conecte-se conosco no Messenger
Entre em contato conosco pelo Whatsapp

Conteúdo Relacionado